Mês da prevenção do suicídio

Mês da prevenção do suicídio

HESE assinala data e alerta para a importância da prevenção.

Com o mote “(Re)pensar uns nos outros, uns pelos outros”, o Hospital do Espírito Santo de Évora (HESE) assinala mês da prevenção do suicídio.

O Departamento de Psiquiatria e Saúde Mental do HESE assinala este mês alertando para alguns mitos que subsistem em relação ao suicídio e que interessa desmistificar para que as pessoas se ajudem mais e estejam mais atentas, com o slogan “(Re)pensar uns nos outros, uns pelos outros”.

A partir do dia 10 de setembro, dia que se assinala, a nível mundial, a prevenção do suicídio serão divulgadas nas redes sociais e no site do HESE várias mensagens sobre este tema.

Madalena Serra, Psiquiatra, Diretora do Departamento, realça que “é muito preocupante que, nos dias de hoje, haja pessoas que arrastem o seu sofrimento psíquico anos a fio, sem tratamento, verificando-se uma progressiva desesperança no processo de melhoria e perda de anos de vida saudáveis. É também igualmente preocupante que, nos dias de hoje, haja pessoas sem acesso a cuidados de saúde mental adequados.”

O Plano Nacional de Prevenção do Suicídio (PNPS) constitui uma estratégia e determina como objetivos “aumentar o acompanhamento de pessoas com ideação suicida, comportamentos auto-lesivos e actos suicidas; e aumentar o acesso a cuidados diferenciados através da criação de consultas especializadas em todos os distritos”. A aposta na qualidade e acessibilidade da prestação de serviços de saúde mental é certamente uma das formas mais estruturais de prevenção do suicídio.

Neste sentido e em cumprimento do estipulado no PNPS, o DPSM do HESE tem feito um investimento direcionado à intervenção na área do suicídio, tendo em funcionamento, há cerca de um ano, uma consulta específica de intervenção em crise, de modo a dar uma resposta célere a utentes com risco de suicídio ou de comportamentos auto-lesivos.

“Devemos estar atentos uns aos outros. Não devemos confundir distanciamento físico com distanciamento social e afetivo”, e a Diretora reforça ainda que “é fundamental dotarmos a sociedade onde nos inserimos de capacidade de avaliação técnica formal para uma identificação precoce dos fatores de risco de suicídio e, também, de situações de doença que condicionem o aparecimento de ideias de morte para delinear uma intervenção clínica eficaz. A depressão é uma dessas doenças.”

Para saber mais, consulte:

HESE – http://www.hevora.min-saude.pt/

Publicado em 11-09-2020

Fonte: https://www.sns.gov.pt/noticias/2020/09/10/mes-da-prevencao-do-suicidio/?utm_source=rss&utm_medium=rss&utm_campaign=mes-da-prevencao-do-suicidio

Notícias Recentes